24.1 C
Contagem
sábado, junho 22, 2024
HomeCadernosCidadeQualidade na água da Copasa

Qualidade na água da Copasa

Date:

Matérias Relacionadas

Rayza Almeida para o Gata Dmais – Por João Paulo Dias

Meu nome é Rayza Almeida(almeira_rayzaaxz), tenho 20 anos, estou...

Edição 1234 21 de Junho de 2024

Edição Online da Edição 1234 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Obras de mobilidade na BR-381

Desenvolvimento Contagem não para. Após articular, em Brasília, uma reunião...

Restauração do Centro Cultural

Cuidado com o patrimônio Na última semana a Prefeitura deu...

Procon Câmara bate recordes em atendimentos

Referência em defesa do consumidor desde sua inauguração, em...
Ir para Criarteweb

Os problemas na prestação de serviços da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) voltaram a ser pauta na plenária desta terça-feira (10). Desta vez, o vereador Daniel do Irineu (PP) destacou um requerimento de sua autoria solicitando esclarecimentos da companhia em relação a reclamações de moradores da região do Petrolândia sobre a má qualidade da água.

Fui procurado por inúmeros moradores dos bairros Petrolândia, Sapucaias, Tropical, São Luiz, Chácaras e outros, alegando desconforto com a Copasa, pois a água estaria chegando muito turva na casa dessas pessoas, uma água barrenta. Fizemos uma visita in loco e constatamos que essa água está chegando às casas sem condições de uso, disse o parlamentar.

Ele levantou a possibilidade de a Copasa estar realizando alguma intervenção nas adutoras que atendem a região. No entanto, criticou o fato de a companhia não informar previamente os moradores sobre o acontecimento e não interromper o fornecimento de uma água que seria imprópria para o consumo.

Necessidade de cobranças – Em aparte, os vereadores Capitão Fontes (MDB), Vinícius Faria (PCdoB) e o presidente da Câmara, Daniel Carvalho (PV), deram apoio à solicitação, ressaltando a necessidade de maior cobrança em relação à prestação de serviços da Copasa.

O presidente da Câmara lembrou a mobilização de várias câmaras municipais de Minas para cobrar melhor prestação de serviços de abastecimento de água, de coleta e tratamento de esgoto e a redução das taxas cobradas pela companhia. E adicionou a necessidade de cobrar contrapartidas para o Município em relação à exploração da reserva hídrica de Vargem das Flores.

Daniel Carvalho terminou o debate conclamando a todos a se envolverem ao movimento surgido no sul de Minas, para uma cobrança mais intensa e mais firme à Copasa.

Últimas Matérias

spot_img
Artigo Anterior
Próximo Artigo
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar