15.9 C
Contagem
domingo, junho 16, 2024
HomeCadernosGeralAté que ponto o medo é normal?

Até que ponto o medo é normal?

Date:

Matérias Relacionadas

Anny Kalessa para o Gata Dmais – Por João Paulo Dias

Meu nome é Anny Kalessa (@annykalessa), tenho 22 anos,...

Edição 1233 14 de Junho de 2024

Edição Online da Edição 1232 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Marcha para Jesus acontece neste sábado

Para fortalecer os laços de união, amor e de...

Não caia no golpe da falsa cobrança

Alerta importante A Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria...

Mais duas trincheiras na br 381

Mais mobilidade Contagem recebeu mais uma importante notícia que vai...
Ir para Criarteweb

Motivado por diversas situações, o medo, hoje, toma conta de grande parte da população. Entretanto, a fobia é um temor profundo que se repete toda vez que a pessoa tem contato real ou apenas uma ideia de contato com o objeto fóbico. E, isso, pode causar diversos problemas. Segundo Caio Zagnoli, especialista em uma técnica de cura chamada Thetahealing, o medo é um sentimento que nos paralisa e impede de realizar algo na nossa vida.

Ele pode existir de diversas formas, como um simples medo do escuro,
de andar de avião, de dirigir e até mesmo de se relacionar, entre outros.
É muito provável que esse medo esteja relacionado com algumas crenças
que a pessoa tem de forma subconsciente.

E para trabalha-lo, o especialista garante que é muito importante perceber qual é a sensação que esse medo causa no corpo.

A partir desse momento, é possível ter a “liberação” dessas crenças. Um exemplo disso, é o caso de uma paciente que participou de uma
demonstração durante um curso de Thetahealing, pedindo para trabalhar seu medo de água. Ela não nadava, não ia à cachoeira, piscina e até mesmo no banho colocava uma água bem fraquinha, porque não
gostava de muita água. Durante a utilização da técnica, ela acessou memórias uterinas onde sentiu uma forte sensação de perigo e vieram a tonas crenças como: estou sempre sobre perigo…não sou bem-vinda a esse mundo…não sou querida…amor é sofrimento. E logo tudo isso foi trabalhado para que fossem reprogramadas essas memórias, liberados os choque e traumas deixados, contou Caio.

A técnica do Thetahealing pode ser utilizada para trabalhar o medo até que seja solucionado. Acessando a onda cerebral Theta, a pessoa é conduzida a um estado de relaxamento e passa a imaginar a situação que gera o medo, sendo levada cada vez mais para dentro de si, até que seja descoberto o que o provoca e quais as suas crenças e raízes. Logo após é feita uma reprogramação dessas crenças.

Por meio de um teste, em que se tem uma resposta do subconsciente
através do corpo é verificado se o resultado foi efetivado de fato. E então,
novamente é imaginada a situação trazida e a pessoa vai perceber se o
medo acabou ou apenas diminuiu pontuando em uma escala de 0 a 10 a sensação.
Se o medo acabar, o trabalho está concluído, mas se apenas diminuir ele segue até que seja realmente solucionado, explicou o especialista..

Fonte: Caio Zagnoli, terapeuta e especialista em Thetahealing.
É fundador do Portal Semente Quântica.
(www.sementequantica.com)

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar