26.2 C
Contagem
sexta-feira, maio 24, 2024
HomeCadernosCidadeUso correto das ciclofaixas

Uso correto das ciclofaixas

Date:

Matérias Relacionadas

Edição 1232 24 de Maio de 2024

Edição Online da Edição 1232 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Obras na Avenida Maracanã

Uma obra estruturante As milhares de pessoas que passam todos...

Mais acessibilidade e inclusãox’

Facilidade de locomoção A Prefeitura investe para garantir a inclusão...

Aymoré e Arcor presenteiam a cidade

Comemorações O ano de 2024 é marcado por duas importantes...

Oncoclínicas inaugura unidade em Contagem

Considerado um dos maiores grupos de oncologia da América...
Ir para Criarteweb

Mobilidade Urbana

Com mais de 4 km de extensão, a ciclofaixa Parque Sarandi, inaugurada no fim de agosto, liga a região do Ressaca, em Contagem, à ciclovia da avenida Professor Clóvis Salgado, na região da Pampulha, em Belo Horizonte.
Implantada pela Prefeitura de Contagem, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes de Contagem – Transcon, a pista destinada ao tráfego de bicicletas, primeira do gênero instalada na cidade, foi bem recebida pela população, que passou a utilizar o local para o lazer e para os deslocamentos diários.
Sebastião Lopes, 54, por exemplo, que anda de bicicleta, diariamente, para procurar e vender sucata, contou que a ciclofaixa facilitou muito seus deslocamentos. “Rodo por toda a avenida. Depois que arrumaram a faixa para bicicletas aqui ficou muito bom”, disse.
Mas, como toda novidade, a ciclofaixa ainda gera algumas dúvidas e receios em relação às regras de utilização. Os usuários reclamam, principalmente, da imprudência de alguns condutores de veículos automotores, que não respeitam a faixa exclusiva para ciclistas.
É o caso de Hamilton Silva, 37, morador de Contagem, que tem o costume de passear de bicicleta com a filha pelo Parque Sarandi toda semana. “Sempre viemos passear e aproveitar para fazer exercícios”, explicou. Mas ele afirma ter receio de andar pela ciclofaixa. “Ainda não usei, pois existem alguns motoristas que não respeitam. Para cortar o trânsito, eles passam por cima das tartarugas e invadem a ciclofaixa”, contou.
A Transcon alerta motoristas, ciclistas e pedestres para a importância de se respeitar as sinalizações no local e as leis de trânsito referentes a este tipo de via, para que os deslocamentos não motorizados ocorram de forma segura. Enquanto algumas ações são consideradas gentilezas, outras são leis, como, por exemplo, não poder transitar ou estacionar veículos na ciclofaixa, infração considerada gravíssima e que gera sete pontos na carteira e multa de R$880,41 para o condutor.

Novas ciclofaixas e ciclovias

A ciclofaixa Parque Sarandi reflete um dos focos para melhoria da mobilidade urbana que incentiva os deslocamentos não motorizados na cidade e o convívio seguro entre os diferentes meios de transporte. A mobilidade ativa – como é chamado esse tipo de deslocamento – ganhou ainda mais destaque depois da inauguração da primeira ciclofaixa da cidade, em agosto de 2021.
Para os próximos anos, estão previstas novas ciclovias e ciclofaixas em diferentes regiões da cidade. A Prefeitura trabalha na elaboração do Plano de Mobilidade Ativa de Contagem, com estudos sobre as rotas possíveis para o estabelecimento de uma rede ciclável no município, além de ações que melhoram a mobilidade urbana como um todo. O objetivo é permitir que os cidadãos possam se deslocar com mais facilidade e segurança e explorar a cidade com outro olhar.

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar