26 C
Contagem
quinta-feira, maio 30, 2024
HomeCadernosGeralBrasil 'sem noção'

Brasil ‘sem noção’

Date:

Matérias Relacionadas

3ª edição do Arraiá de Contagem

Tradição Pula a fogueira que a festa vai começar! Entre...

Licenciamento ambiental

Conquista preservada Nos últimos três anos, a Prefeitura de Contagem...

Contagem firma parceria com Unifenas

Vagas de estágio O Serviço Social Autônomo de Contagem (SSA)...

Câmara Aberta recebe Funec em júri simulado

Um plenário transformado em tribunal e alunos em promotores,...

Deputado Miguel Ângelo assumiu a vice-liderança do PT na Câmara Federal

O deputado federal Miguel Ângelo (PT/MG), assumiu a importante...
Ir para Criarteweb

Segundo a pesquisa “Os perigos da Percepção, realizado pelo instituto Ipsos Mori em 38 países para avaliar o conhecimento geral e a interpretação que as pessoas fazem sobre o país em que vivem, o Brasil é o segundo do mundo em que as pessoas mais têm a percepção equivocada sobre a realidade. Os brasileiros só ficaram à frente dos sul-africanos.

O estudo apresentou aos 29 mil entrevistados perguntas sobre a realidade de seus países e, em seguida, comparou a percepção das pessoas com dados oficiais. O resultado indica que, por todo o mundo, há pouca familiaridade com temas de segurança, imigração, saúde, religião e mesmo tecnologia.

No Brasil, 76% dos entrevistados disseram achar que a taxa de homicídios é mais alta hoje do que era no ano 2000, por mais que o Ipsos indique que a taxa atual seja a mesma daquele ano. É também o país em que a população tem a percepção mais errada a respeito da gravidez de adolescentes. Enquanto os entrevistados em média acham que 48% das meninas entre 15 e 19 anos dão à luz, o dado real é de 6,7%.

Suécia, Noruega, Dinamarca, Espanha e Montenegro são, segundo a pesquisa,
os países que têm uma percepção mais próxima da realidade.

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar