24.9 C
Contagem
quinta-feira, maio 30, 2024
HomeCadernosCidadeProjeto ‘Dê um rolê’ ensina a andar de bicicleta

Projeto ‘Dê um rolê’ ensina a andar de bicicleta

Date:

Matérias Relacionadas

3ª edição do Arraiá de Contagem

Tradição Pula a fogueira que a festa vai começar! Entre...

Licenciamento ambiental

Conquista preservada Nos últimos três anos, a Prefeitura de Contagem...

Contagem firma parceria com Unifenas

Vagas de estágio O Serviço Social Autônomo de Contagem (SSA)...

Câmara Aberta recebe Funec em júri simulado

Um plenário transformado em tribunal e alunos em promotores,...

Deputado Miguel Ângelo assumiu a vice-liderança do PT na Câmara Federal

O deputado federal Miguel Ângelo (PT/MG), assumiu a importante...
Ir para Criarteweb

Nos dias 18 e 19 de maio, o projeto Dê um Rolê, iniciativa de mobilidade e sustentabilidade da Move Cultura, ocupará, respectivamente, o Complexo Esportivo Ricardo Medioli (Betim) e o Parque Ecológico do Eldorado (Contagem), entre 9h e 12h, com as oficinas “Aprendendo a Pedalar” e “Mecânica Básica para Bicicletas”. Acessível para todos os públicos e idades, a iniciativa sem fins lucrativos ensina a população a pedalar, orienta os novos ciclistas quanto aos pequenos ajustes no veículo de duas rodas e ainda tem a missão de incentivar o uso das bicicletas como meio de locomoção nos centros urbanos, potencializando assim o esporte e o lazer. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelo Sympla.
Depois que aprende a andar de bicicleta, o aluno do Dê um Rolê precisa ter autonomia. É por isso que a Move Cultura oferece ainda a oficina “Mecânica Básica para Bicicletas”. “Essa modalidade é pensada para os alunos e alunas que iniciaram o aprendizado conosco. Em nosso curso, não formamos profissionais que vão trabalhar com manutenção de bicicletas, mas ciclistas conscientes. Nessa parte, apresentamos a bicicleta e mostramos quais são os devidos cuidados, quais são as partes que requerem uma maior atenção, como lavar a bike corretamente, como checar e saber se a bicicleta consegue fazer uma pedalada mais longa e quando se deve levá-la a um profissional. Tudo isso dando a oportunidade para que a pessoa possa aproveitar a vida útil de cada componente da bicicleta de uma maneira mais sustentável e que evite trocas ou gastos pessoais desnecessários”, explica o coordenador do projeto e trilheiro Brunner Lucas Brunner.

Últimas Matérias

spot_img

DEIXE SUA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar