26.2 C
Contagem
sexta-feira, maio 24, 2024
HomeCadernosCidadeA verdade sobre o Iria Diniz

A verdade sobre o Iria Diniz

Date:

Matérias Relacionadas

Edição 1232 24 de Maio de 2024

Edição Online da Edição 1232 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Obras na Avenida Maracanã

Uma obra estruturante As milhares de pessoas que passam todos...

Mais acessibilidade e inclusãox’

Facilidade de locomoção A Prefeitura investe para garantir a inclusão...

Aymoré e Arcor presenteiam a cidade

Comemorações O ano de 2024 é marcado por duas importantes...

Oncoclínicas inaugura unidade em Contagem

Considerado um dos maiores grupos de oncologia da América...
Ir para Criarteweb

Quem passa pela primeira vez em frente ao Centro de Consultas Especializadas (CCE) Iria Diniz desde o domingo, 2 de setembro, se surpreende com o cercamento do terreno no bairro da Glória, na regional Eldorado. Imediatamente surge o temor de que a unidade de saúde onde são atendidas até 15 mil pessoas por mês seja fechada. Essa hipótese, no entanto, está descartada. As portas dos consultórios de 32 especialidades médicas continuam abertas para os pacientes, sem nenhum prejuízo ao atendimento.
O quarteirão de nº 34 da movimentada avenida João César de Oliveira, com mais de 8.800 metros quadrados, foi cercado pela Compax S.A., proprietária do imóvel, após acordo firmado na Justiça com a Prefeitura de Contagem. O Município devolveu o terreno invadido em 1993 e quitou uma dívida de R$ 120 milhões com a empresa, encerrando uma pendência judicial que durava 25 anos. O diretor da Compax, Carmelo Teixeira, comemorou o fim do impasse.

Finalmente, após tantos anos, conseguimos avançar neste acordo, que soluciona uma série de problemas, disse.

Os tapumes colocados em volta do CCE Iria Diniz despertam a atenção de quem passa pelo local, mas não interferem no funcionamento da unidade de saúde

Um dia após o cercamento do quarteirão, ou seja, na manhã de segunda-feira, 3 de setembro, a recepção aos pacientes do CCE Iria Diniz transcorreu normalmente. E assim será até o início de 2019. A diretora do Centro de Consultas Especializadas, Aliny Vasconcelos, está muito empolgada com as mudanças que serão feitas na unidade de saúde, inclusive para outro endereço.
A previsão é a de que o Centro de Consultas Especializadas comece a funcionar no prédio do antigo fórum, no Centro de Contagem, no primeiro trimestre do ano que vem.

Há três meses iniciamos as visitas e levantamentos do imóvel onde funcionava o fórum e as reuniões com engenheiros e arquitetos. O projeto final, com a definição do que vai funcionar em cada setor do outro prédio, está marcado para ficar pronto em três semanas, informa Aliny.

Atendimento otimizado – A diretora do CCE Iria Diniz ressalta que será feita uma reestruturação para otimizar o atendimento na nova sede. Mudanças, na verdade, estão em curso desde janeiro de 2017. Com a criação de mutirões e novas diretrizes implementadas entre os médicos e demais profissionais da saúde, a fila por consultas especializadas caiu de 80 mil para 45 mil pessoas, redução de 43,7%.
Segundo Aliny, uma das novas metas será a ampliação das “linhas de cuidado”, como se define o Flores do Iria, ambulatório de Saúde da Mulher criado há quase um ano, em outubro de 2017.

O Flores do Iria reúne todos os serviços da saúde da mulher em uma ala, tornando o atendimento mais ágil e humanizado. Além da consulta, são feitas palestras e rodas de conversa com as gestantes de alto risco. Faremos o mesmo para o atendimento ao idoso, aos casos de obesidade, hipertensão e doenças reumáticas. São muitas ideias e muitas propostas para que tenhamos um novo Iria Diniz, de verdade, explica.

A marcação de consultas não sofreu alterações após a devolução do terreno para a Compax

Consulta em 30 dias

Moradora do bairro Inconfidentes, na regional Riacho, Maria de Fátima Couto, de 62 anos, é paciente do CCE Iria Diniz. Ela se assustou quando viu o cercamento da área.

Faço tratamento de glaucoma e não podemos ficar sem esse serviço.
Os médicos e enfermeiros nos atendem muito bem, aponta.

Segundo Aliny Vasconcelos, há 8 mil pessoas na fila da oftalmologia. Com a criação de alas para otimização do atendimento, a exemplo do Flores do Iria, uma meta ambiciosa está sendo estipulada. “Nosso projeto é que a espera por consulta seja de no máximo 30 dias. Com o Flores do Iria, a fila, que era formada por cem gestantes, caiu para 15”, destaca.
Ela ressalta que o prédio do antigo fórum, no Centro de Contagem, fica em uma área com mais opções de linhas do transporte coletivo, o que vai facilitar o acesso. “Também há mais vagas de estacionamento tanto para servidores quanto pacientes”.

 

Prefeitura responde

Em nota, a Prefeitura de Contagem informou que a colocação de tapumes no terreno onde está localizado o CCE Iria Diniz não interfere no funcionamento da unidade de saúde. O atendimento à população continua normalmente. A área foi ocupada irregularmente pelo Município em 1993. Portanto, há 25 anos a proprietária do imóvel, a Compax S.A., vinha travando uma batalha judicial para recuperar o espaço, diante de uma dívida acumulada pela prefeitura de R$ 120 milhões.

São 90 médicos atendendo nos consultórios

Por meio de acordo judicial, a Prefeitura de Contagem, ao invés do pagamento de aproximadamente R$ 120 milhões à empresa, o equivalente a 52% dos R$ 230 milhões de dívidas do Município em Precatórios, fez a devolução do terreno à Compax sem a necessidade do uso de recursos do Tesouro Municipal no pagamento da dívida.
Em contrapartida, a Compax se compromete a construir uma nova unidade para funcionamento do CCE Iria Diniz, na mesma região, até 2020. Foi uma importante conquista para o Município, que oferecerá aos contagenses uma nova unidade de saúde, mais estruturada.
Além disso, a prefeitura quitou mais da metade de sua dívida em Precatórios com o desfecho de um imbróglio judicial que durava 25 anos.

A Prefeitura de Contagem reitera que as consultas de especialidades médicas continuarão sendo oferecidas no CCE Iria Diniz, sem prejuízo para a população.

 

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar