15.3 C
Contagem
quarta-feira, junho 19, 2024
HomeCadernosPolíticaPSDB apresenta o vice

PSDB apresenta o vice

Date:

Matérias Relacionadas

Anny Kalessa para o Gata Dmais – Por João Paulo Dias

Meu nome é Anny Kalessa (@annykalessa), tenho 22 anos,...

Edição 1233 14 de Junho de 2024

Edição Online da Edição 1232 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Não caia no golpe da falsa cobrança

Alerta importante A Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria...

Mais duas trincheiras na br 381

Mais mobilidade Contagem recebeu mais uma importante notícia que vai...

O Impacto das eleições municipais nos serviços públicos

As eleições municipais, que elegem prefeitos, vice-prefeitos e vereadores,...
Ir para Criarteweb

O pré-candidato ao governo de Minas pelo PSDB, senador Antonio Anastasia, anunciou o deputado federal Marcos Montes (PSD-MG) como vice de sua chapa.
Montes é médico, foi prefeito de Uberaba e está no terceiro mandato como deputado federal. O pré-candidato à Presidência pelo PSDB, Geraldo Alckmin, e o ministro Gilberto Kassab (PSD) também estavam presentes no anúncio, em Uberaba.

É um médico voltado às questões da sociedade. É um homem do campo, da atividade rural, que representa milhões de mineiros que vivem dessa atividade, disse Anastasia, tecendo elogios ao vice.

Além de PSDB e PSD, a chapa de Anastasia conta com apoio do PPS, PSC e PTB. Houve um indicativo de que o PHS, do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, estará na aliança, já que o jornalista Carlos Viana (PHS) foi anunciado também nesta segunda como pré-candidato ao Senado na chapa.
Segundo Anastasia, as conversas continuam com DEM e MDB.

Estamos abertos a todos que estão no campo de oposição ao governo do estado, afirmou.

Alckmin minimiza pesquisa

O pré-candidato à Presidência pelo PSDB, Geraldo Alckmin, comentou em entrevista o resultado da última pesquisa Datafolha, divulgada no domingo (10/06). O ex-governador de São Paulo aparece com 7% das intenções de voto.
O tucano minimizou o resultado a quatro meses da eleição.

A campanha terá um mês e meio. A campanha só começa mesmo quando a gente souber efetivamente quem são os candidatos e quando começar o programa eleitoral no rádio e na televisão.

Alckmin mencionou a eleição para o governo de Tocantins, em 3 de junho, para mostrar que nem sempre as pesquisas indicam os resultados corretos. “A dez dias da eleição tinha em primeiro lugar o ex-prefeito de Palmas e em segundo, uma senadora: nenhum dos dois foi para o segundo turno. E aquele que chegou em primeiro estava em quarto. Não é pelo fato de eu estar em quarto lugar que estou fazendo essa comparação”, disse Alckmin.

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar