15.3 C
Contagem
quarta-feira, junho 19, 2024
HomeCadernosCidadeFechamento da Cia. 133

Fechamento da Cia. 133

Date:

Matérias Relacionadas

Anny Kalessa para o Gata Dmais – Por João Paulo Dias

Meu nome é Anny Kalessa (@annykalessa), tenho 22 anos,...

Edição 1233 14 de Junho de 2024

Edição Online da Edição 1232 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Não caia no golpe da falsa cobrança

Alerta importante A Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria...

Mais duas trincheiras na br 381

Mais mobilidade Contagem recebeu mais uma importante notícia que vai...

O Impacto das eleições municipais nos serviços públicos

As eleições municipais, que elegem prefeitos, vice-prefeitos e vereadores,...
Ir para Criarteweb

A possível transferência da Companhia 133 de Política Militar de Contagem para a sede do 18º Batalhão foi motivo de uma ampla discussão por parte dos vereadores na reunião plenária desta terça-feira (24/04). A Cia 133 é responsável pelo policiamento de toda a região da Sede e Petrolândia, abrangendo mais de 60 bairros.
Segundo o vereador Daniel do Irineu (PP), que iniciou o debate, alguns moradores da região da Sede o procuraram na última semana, alarmados com o possível fechamento da Unidade de Polícia que fica localizada na rua Antônio Augusto, no Centro de Contagem, próximo à Câmara Municipal e à Igreja São Gonçalo.

Pelo que chegou até a mim, o comando da 133, inclusive, já se mudou para o 18º. Meu requerimento é no intuito de sensibilizar o comando geral da Polícia Militar, sobre a importância da Cia, sobretudo na região do Centro de Contagem. Precisamos todos juntos nos mobilizar, e não permitir que a Segurança Pública sofra tanto com a crise econômica do Estado, isso é inadmissível, disse Daniel.

Ainda de acordo com o vereador, a estratégia é reduzir gastos, substituindo algumas das Companhias de Polícia por Bases Móveis de Policiamento – vans da PMMG equipadas com câmeras de videomonitoramento, rádios e equipamentos de segurança, que ficarão localizadas estrategicamente em locais com maior incidência de crimes e grande circulação de pessoas. Sendo assim, algumas Companhias retornariam para a sede de seus respectivos batalhões, como é o caso da transferência da 133 para o 18º BPM.

Entendo que as bases trazem um benefício grande, mas não como substitutivo das Cias, e sim como ação complementar,

completou Daniel, questionando ainda a falta de diálogo prévio com a população e com o Legislativo sobre esta mudança.
Alex Chiodi (SD), vereador e membro da Comissão de Segurança Pública da Câmara, destacou ainda que, enquanto as Cias de Polícia têm funcionamento de 24 horas, as bases móveis só funcionam até as 23h, o que criaria uma “falsa sensação de segurança durante o dia, e uma total insegurança à noite”.
Por intermédio de Chiodi, membros da Comissão de Segurança da Casa e outros parlamentares interessados no caso se reuniram, na tarde do dia 24, no 18º Batalhão de Polícia Militar, onde foram recebidos pelo Comandante Tenente Coronel Ryan Rodrigues Lopes para discutir o assunto.

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar