sexta-feira, 19 julho

    PSDB descarta ser oposição

    Matérias Relacionadas

    STF decide que lei que criminaliza fake news é inconstitucional

    Em uma decisão histórica, o Supremo Tribunal Federal (STF)...

    Instituto CircoLar forma e catapulta artistas circenses de Minas Gerais

    Inscrições para a Formação Profissional em Artes Cênicas, que...

    Compartilhar

    Após a derrota do senador Antonio Anastasia na eleição para o Palácio da Liberdade, os deputados estaduais do PSDB se reuniram nessa terça-feira (30) e decidiram que vão se posicionar de forma neutra na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) em relação ao governo do Partido Novo, comandado pelo empresário Romeu Zema. A decisão foi tomada durante encontro dos parlamentares tucanos. De acordo com o deputado estadual e líder do bloco da minoria na Casa, Gustavo Valadares (PSDB), a legenda não fará oposição ao Executivo e vai buscar trabalhar em favor de Minas Gerais.

    Essa foi uma conversa embrionária, na qual resolvemos a postura do PSDB para os próximos quatro anos. Definimos que seremos um partido com liberdade de atuação e visão crítica na ALMG. Sempre torcendo muito para que o próximo governo tenha êxito nas mudanças que venha a propor para tornar nosso Estado o que já foi um dia: uma referência em gestão para todo o Brasil e para o mundo. Essa é a nossa vontade e a nossa torcida, declarou o deputado.

    Refundar – O deputado estadual Gustavo Valadares (PSDB) afirmou nessa terça-feira (30) que, depois dessas eleições, nas quais o PSDB sofreu grandes derrotas, é preciso reestruturar a legenda. Para ele, a sigla precisa ter posições mais firmes.

    A visão de todos nós é que o partido precisa se refundar, precisa se mostrar mais claro em algumas posições, fazer um mea-culpa do que precisa ser feito, disse.

    spot_imgspot_img