sexta-feira, 19 julho

    Trilhas da Leitura

    Matérias Relacionadas

    STF decide que lei que criminaliza fake news é inconstitucional

    Em uma decisão histórica, o Supremo Tribunal Federal (STF)...

    Instituto CircoLar forma e catapulta artistas circenses de Minas Gerais

    Inscrições para a Formação Profissional em Artes Cênicas, que...

    Compartilhar

    O Cultura na Câmara deste mês de março trouxe ao Legislativo, na terça-feira (06), um exemplo de boa ação: trata-se do projeto Trilhas da Leitura, realizado há sete anos por Ricardo Freitas Carvalho, o “Cadinho”. Por meio de parcerias e doações de livros de voluntários, Ricardo percorre todo o estado doando livros.
    O Trilhas da Leitura teve sua primeira edição em maio de 2011, no Parque Ecológico do Eldorado. Depois disso, esse trabalho se expandiu, ganhando as ruas, praças e escolas de Contagem.
    Com tamanho sucesso, rompeu os limites da cidade e foi percorrer outros municípios, como Betim, Belo Horizonte, Bom Despacho, São Gonçalo do Pará, Sabará, Nova Lima, Lagoa da Prata, Divinópolis e Serra do Cipó.
    Agora, Cadinho está à procura de parceiros, para conseguir levar o projeto ao Vale do Jequitinhonha, no norte de Minas.

    “Acredito que este é o grande desafio
    do Trilhas da Leitura neste 2018”, conta.

    Ao longo de quase sete anos de existência, o Projeto Trilhas da Leitura, já distribuiu aproximadamente 180 mil livros dos mais variados temas: literaturas, didáticos, apostilas, revistas, livros técnicos, dentre outros.
    Além disso, Cadinho explica que o projeto tem uma forte ligação com as questões de meio ambiente e sustentabilidade e, por isso, firmou parceria com cooperativas de recolhimento de materiais recicláveis, como a Asmac e a Coopercata. Somando, já doou mais de 45 toneladas de material reciclável para elas.
    Para entrar em contato com o Trilhas da Leitura, o telefone é (31) 98967-1654.

    spot_imgspot_img