terça-feira, 16 julho

    Riqueza de Marília Campos

    Matérias Relacionadas

    Ester Emanuelle para o Gata Dmais – Por João Paulo Dias

    Meu nome é Ester Emanuelle(@esterr_soares_), tenho 23 anos, sou...

    Edição 1235 28 de Junho de 2024

    Edição Online da Edição 1234 do Jornal de Contagem Pop Notícias

    Lula visita obras da Av. Maracanã

    O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva,...

    Campeonato Brasileiro Júnior e Elite

    Os atletas do projeto de Ginástica de Trampolim de...

    Prêmio Internacional: Contagem participa de eleição

    Contagem está participando do 18º Prêmio "Boas Práticas em...

    Compartilhar

    Na corrida para manter sua vaga na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), Marília Campos aumentou o seu patrimônio durante a última legislatura. Em 2014, a ex-prefeita de Contagem declarou possuir bens totais no valor de R$ 322.078,10, quantia correspondente à casa em que ela reside na cidade. Quatro anos depois, os valores declarados por Marília aumentaram exatamente 165,41%.
    Ou seja, em uma única legislatura a deputada quase triplicou os seus bens.

    De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marília manteve a casa em Contagem. Além disso, a parlamentar comprou um apartamento de R$ 450 mil.
    Na lista de bens dela também estão um veículo no valor de R$ 36.290,00. Marília encaminhou ainda ao TSE a informação de que mantém R$ 46.474,43 depositados em conta corrente. Dessa forma, portanto, o patrimônio de Marília pulou de R$ 322.078,10 para R$ 854.842,43 em quatro anos: crescimento de 165,41%.

    O crescimento do patrimônio de Marília Campos ocorre com ela abrindo mão de auxílio-moradia e diárias de viagem, além dos salários extras pagos pela ALMG. Durante todo seu mandato, a deputada recusou o auxílio moradia que todo parlamentar tem direito. Ela devolveu R$ 2.850,00 todos os meses aos cofres públicos.

    “Valores são compatíveis”

    Aliada de Pimentel, Marília votou a favor do aumento do IPVA e do ICMS

    Por meio de nota, a deputada estadual Marília Campos informou que a lista de bens declarados à Justiça Eleitoral consta de um apartamento adquirido após a sua última eleição, no valor de R$ 450.000,00. “Este apartamento, entretanto, não se encontra integralmente quitado, restando pagar R$ 200.000,00, financiados”, informa.
    A parlamentar ressalta que o valor dos bens declarados, portanto, reduz para R$ 654 mil, com evolução de 59% em relação à declaração anterior, e não de 165,41%.

    Em termos nominais, corrigidos pela inflação, a evolução dos bens da deputada, ao longo de quatro anos, foi de R$ 243 mil, com uma média anual de R$ 60,75 mil, absolutamente compatíveis com os seus rendimentos na Assembleia Legislativa de Minas Gerais, destaca a nota.

    Em relação ao apoio ao governador Fernando Pimentel, Marília Campos confirma que votou a favor do reajuste do ICMS “no esforço de reequilibrar as finanças estaduais”.
    A deputada destaca que faz parte da base de sustentação e, por essa razão, “tende a votar favoravelmente às proposições do Executivo”.

    Mas, nem por isso a deputada abdica de sua independência de pensamento e de se posicionar conforme suas convicções, conclui.

    Apoio a Pimentel no aumento de impostos

    O crescimento do patrimônio de Marília Campos ocorreu durante o mandato do governador Fernando Pi- mentel. Na Assembleia, a deputada foi uma de suas aliadas mais fieis nos últimos quatro anos.

    Exemplo da lealdade de Marília com o governador ocorreu na no aumento dos impostos em Minas.

    A parlamentar nega irregularidades patrimoniais

    Em meados do ano passado, a deputada votou a favor do aumento do Imposto sobre Propriedade de Veículo Automotor (IPVA), encarecendo o valor que é cobrado todo ano dos donos de veículos.
    Também com o sim da deputada estadual, Pimentel conseguiu subir a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Por conta disso, a gasolina em Minas subiu de 29% para 31%. O álcool, por sua vez, subiu a alíquota de 14% para 31%. Essa decisão também afetou serviços de internet.

    spot_imgspot_img