quarta-feira, 24 julho

    Restauração de patrimônio

    Matérias Relacionadas

    STF decide que lei que criminaliza fake news é inconstitucional

    Em uma decisão histórica, o Supremo Tribunal Federal (STF)...

    Instituto CircoLar forma e catapulta artistas circenses de Minas Gerais

    Inscrições para a Formação Profissional em Artes Cênicas, que...

    Compartilhar

    O vereador Daniel Carvalho (PV) apresentou e teve aprovado na reunião plenária de terça-feira, 14 de fevereiro, requerimento solicitando a restauração da Casa de Cacos, localizada na Rua Ignez Glanzmann de Almeida, 132, no Bairro Bernardo Monteiro, manifestando mais uma vez sua preocupação com a cultura contagense.

    Ele justificou o pedido dizendo que “a casa representa um importante monumento histórico, arquitetônico, artístico e turístico da cidade e sofre pelo abandono, infiltrações, rachaduras, pichações. Patrimônio cultural de Contagem, a casa foi tombada desde 1991, mas perece pela falta de manutenção. Adquirida pelo município em 1993 e interditada em 2001, desde então nada foi feito para a manutenção, restauração e restabelecimento deste importante patrimônio da cidade”.

    O parlamentar argumentou, ainda, que a restauração da Casa de Cacos é um resgate da identidade histórica da cidade, tão carente de espaço de laser e cultura, que poderá ainda abrigar um importante museu, para preservação da história e identidade da cidade.

    Memória – Construída na década de 1960, a casa traz consigo a saga de um cidadão que idealizou e edificou todo o projeto arquitetônico e artístico da casa, que de maneira despretensiosa se tornou uma importante atração turística da cidade, até sua interdição, quando foi fechada para visitação. O abandono pelo poder público, tem gradativamente levado este monumento há deterioração total.

    spot_imgspot_img