sábado, 13 julho

    51 anos da Cohab

    Matérias Relacionadas

    Ester Emanuelle para o Gata Dmais – Por João Paulo Dias

    Meu nome é Ester Emanuelle(@esterr_soares_), tenho 23 anos, sou...

    Edição 1235 28 de Junho de 2024

    Edição Online da Edição 1234 do Jornal de Contagem Pop Notícias

    Lula visita obras da Av. Maracanã

    O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva,...

    Campeonato Brasileiro Júnior e Elite

    Os atletas do projeto de Ginástica de Trampolim de...

    Prêmio Internacional: Contagem participa de eleição

    Contagem está participando do 18º Prêmio "Boas Práticas em...

    Compartilhar

    O plenário da Assembleia ficou lotado na noite de terça-feira (30) para a reunião especial de comemoração dos 51 anos de existência da Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais (Cohab). O evento foi realizado a requerimento do líder do governo Fernando Pimentel (PT) na Casa, deputado Durval Ângelo (PT), e foi palco do anúncio de novos programas da companhia pelo presidente do órgão, Alessandro Marques.

    Durante a reunião, o deputado salientou a importância da atuação da Cohab para reduzir o deficit habitacional, que apenas na região metropolitana de Belo Horizonte é de 170 mil moradias. Segundo a Fundação João Pinheiro, em 2012 o deficit habitacional de Minas beirava 500 mil unidades, problema agravado pelo êxodo rural verificado a partir de meados da década de 1960 e que levou à situação atual, na qual 84% da população vivem nas cidades.

    Há poucos anos, o problema estava restrito às grandes cidades. Hoje, se alastra por municípios médios e até em algumas cidades menores, observou.

    Durval ressaltou a importância de programas habitacionais dos governos dos ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff, como o Minha Casa, Minha Vida, e a importância da parceria e do diálogo entre diferentes instâncias de governo para a redução do deficit habitacional.

    spot_imgspot_img