Centro Materno-Infantil

0
2343

A nova Maternidade Municipal Juventina Paula de Jesus, será inaugurada no sábado (21/5), com capacidade para realizar 600 partos por mês, o novo Centro Materno-Infantil dobrará a quantidade de atendimentos feitos na atual maternidade municipal. A nova maternidade foi construída ao lado do Hospital Municipal de Contagem, na avenida João César de Oliveira, nº 4.495, Eldorado.

O novo Centro Materno Infantil de Contagem terá capacidade para 171 leitos, divididos em 30 leitos de UCI (Unidade de Cuidados Intensivos), 20 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), 08 leitos de enfermaria mãe canguru, 10 leitos de UTI Pediátrica, 34 leitos de enfermaria pediátrica, 59 leitos de internação de alojamento conjunto e ginecologia e 10 leitos de Centro de Parto Normal, sendo 04 de pré -parto.

Entre os destaques da nova maternidade, estão o Centro de Parto Normal estruturado e capacitado para realização do parto humanizado, com possibilidade do parto na banheira, um centro obstétrico equipado para atendimento diferenciado ao parto e um pronto-socorro ginecológico e obstétrico 24 horas por dia.

Juventina Paula de Jesus foi escolhida para dar nome à nova Maternidade Municipal, em homenagem as mulheres e mães do município e aos povos de origem africana do município, simbolizado pela Comunidade dos Arturos, patrimônio imaterial do município e do Estado. Filha de Arthur Camilo Silvério, o patriarca da Comunidade dos Arturos, Juventina Paula de Jesus é uma pessoa símbolo, reconhecida na comunidade e na cidade, por seu trabalho de parteira, exercido durante anos, ajudando mulheres a trazerem seus filhos à vida. Foi rainha Congo da comunidade e uma defensora do congado e das tradições de seu povo. Faleceu em 2.005, aos 80 anos, deixando duas filhas e três filhos.

hospital

Mais leitos para o HMC

Com a inauguração do novo Centro Materno Infantil, a atual maternidade, que funciona nas mesmas dependências do Hospital Municipal de Contagem (HMC), será totalmente transferida para a nova unidade. Com isso, o HMC ganhará mais 60 leitos para internação e atendimento à população em geral. Assim, a nova maternidade também representa um ganho para toda a Rede Pública de Saúde da Cidade.