24.9 C
Contagem
quinta-feira, maio 30, 2024
HomeCadernosCultura“Entre a pele e a palavra”

“Entre a pele e a palavra”

Date:

Matérias Relacionadas

3ª edição do Arraiá de Contagem

Tradição Pula a fogueira que a festa vai começar! Entre...

Licenciamento ambiental

Conquista preservada Nos últimos três anos, a Prefeitura de Contagem...

Contagem firma parceria com Unifenas

Vagas de estágio O Serviço Social Autônomo de Contagem (SSA)...

Câmara Aberta recebe Funec em júri simulado

Um plenário transformado em tribunal e alunos em promotores,...

Deputado Miguel Ângelo assumiu a vice-liderança do PT na Câmara Federal

O deputado federal Miguel Ângelo (PT/MG), assumiu a importante...
Ir para Criarteweb

Incentivo

“Entre a Pele e a Palavra” é uma performance extremamente necessária. Afinal, em um país em que oito mulheres sofrem violência a cada minuto, segundo dados do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, encorajar as vítimas a buscarem ajuda e a denunciarem os agressores é um passo significativo para transformar essa realidade. Focada nessa batalha, a artista plástica mineira Eugênia França, no dia 17 de maio, entre 9h e 17h, na escadaria da Igreja Matriz de São Gonçalo (rua Bueno Brandão, 40, Centro), em Contagem, vai carimbar 60 metros de tecido branco com 30 QR Codes. Os códigos trazem à tona pinturas, cartas e relatos de mulheres vítimas de violência. A performance poderá ser acompanhada ao vivo pelo público.
“A violência contra a mulher é um problema crônico, pouco falado e presente no mundo todo. Quando eu trago esse assunto para a arte, eu busco levar ao público uma discussão que, muitas vezes, é negligenciada ou ignorada”, resume Eugênia França, explicando um pouco a dinâmica do trabalho: “Estamos vivendo em um mundo tecnológico, onde tudo é virtual e massificado, inclusive as relações. Ao usar QR Codes para estampar o tecido, eu me aproprio dessas linguagens para ressaltar particularidades. Cada código é uma história individual, que traz a singularidade de cada mulher em seus relatos”. As narrativas presentes nesses QR Codes não se resumem à dor, mas apresentam histórias de superação, empoderamento e amor próprio.

Programação
“Entre a Pele e a Palavra”, contemplada no edital Movimenta Multilinguagens, do Fundo Municipal de Incentivo à Cultura de Contagem, vai passar também pela Praça do Coreto, em Nova Contagem, no dia 8 de junho, e pela Praça Nossa Senhora da Glória, no Eldorado, no dia 22 de junho. A ideia é que, em cada um desses encontros, Eugênia França carimbe 20 metros de tecido. Ao final das ações, a artista vai confeccionar roupas que serão usadas por ela no dia a dia durante um ano. “Vou compartilhar cada parte do processo nas minhas redes sociais, desde os cortes, as costuras e o uso dessas roupas em meu cotidiano”, diz.

Últimas Matérias

spot_img

DEIXE SUA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar