26.4 C
Contagem
terça-feira, maio 28, 2024
HomeCadernosCulturaTrem Pra Fazer em Contagem

Trem Pra Fazer em Contagem

Date:

Matérias Relacionadas

Edição 1232 24 de Maio de 2024

Edição Online da Edição 1232 do Jornal de Contagem Pop Notícias

Obras na Avenida Maracanã

Uma obra estruturante As milhares de pessoas que passam todos...

Mais acessibilidade e inclusãox’

Facilidade de locomoção A Prefeitura investe para garantir a inclusão...

Aymoré e Arcor presenteiam a cidade

Comemorações O ano de 2024 é marcado por duas importantes...

Oncoclínicas inaugura unidade em Contagem

Considerado um dos maiores grupos de oncologia da América...
Ir para Criarteweb

Melhores lugares

A missão é simples e, ao mesmo tempo, desafiadora: mostrar Contagem para a população da cidade. Este é o objetivo central do Projeto “Trem pra Fazer”, que há sete anos existe e traz, como ideal, a indicação dos melhores lugares para se conhecer num determinado local. De iniciativa do jornalista Felipe Pedrosa, desde março, o projeto vem mostrando nas redes sociais as riquezas da chamada “Terra das Abóboras”.
Contemplado pelo edital Movimenta Cultura, em 2021, do Fundo Municipal de Incentivo à Cultura – FMIC, o “Trem pra Fazer”, nasceu, no segundo semestre de 2015, a missão já era desmistificar Contagem, principalmente para as pessoas que carregavam, ou ainda carregam, um certo preconceito sobre o município. “Eu cansei de ouvir que Contagem não tinha nada para fazer e, por isso, lancei o ‘Trem Pra Fazer’, que, no primeiro momento, era uma espécie de agenda cultural da cidade”, contou Felipe. “Agora, com o aporte do edital, pude voltar os meus olhares para Contagem, mostrando o que o município tem a oferecer e, muito mais do que isso, alimentando o sentimento de pertencimento à cidade. A partir do momento em que as pessoas sentem que fazem parte de um determinado local, a visão muda, o cuidado aumenta e o combate às chancelas pejorativas ganham força”, frisou.
Entre os locais já visitados pelo “Trem Pra Fazer”, estão a Casa de Cultura Nair Mendes, que é um dos imóveis mais antigos de Contagem; os parques Ecológico do Eldorado e o Gentil Diniz; a Coluna Bracher, um monumento em homenagem à Comunidade dos Arturos; e o bairro Retiro, já quase na divisa com Esmeraldas. “O retorno do público, tanto o que não conhecia a cidade quanto dos próprios moradores, tem sido muito positivo. No entanto, fiquei surpreso com a repercussão entre os moradores do Retiro, que é um dos bairros mais tradicionais de Contagem, onde há um time de futebol fundado na época da ditadura militar. Essa galera, ao ver o local onde mora, retratado de uma maneira positiva, chegou a me agradecer. Isso é o mais importante: o sentimento de pertencimento”, destacou.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Últimas Matérias

spot_img
Iniciar Conversa
Precisa de Ajuda?
JORNAL DE CONTAGEM
Olá
Podemos Ajudar