Indústria criativa de Minas

0
2
O governador Fernando Pimentel assina projeto que destinará o edifício Bemge como sede do P7 (Marcelo Sant’Anna/Imprensa MG)

A inauguração do P7 Criativo, em Belo Horizonte, no último dia 16, marca a criação da primeira agência de desenvolvimento da indústria criativa de Minas Gerais e integra um projeto estruturador, que promoverá a restauração dos 25 andares do Edifício Bemge, situado na Praça Sete, para a implantação da sede definitiva do P7, na segunda fase do projeto, até o fim de 2018. Com investimento de R$1 milhão, a sede atual do P7 Criativo oferecerá estrutura de coworking, com 150 estações de trabalho, salas de reunião, auditório e laboratórios.

O projeto é uma iniciativa do Governo de Minas Gerais, por meio da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sedectes) e da Fundação João Pinheiro (FJP), em parceria com a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e o Serviço de Apoio a Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Colaboração e parceria – Na sede do P7 Criativo (Avenida Afonso Pena, nº 4.000, 5º andar) profissionais e organizações terão a oportunidade de locar espaços para se beneficiarem de um ambi – ente de colaboração e empreendedorismo, onde serão realizados eventos, atividades de interação e fomento à realização de parcerias. Além disso, compartilharão o espaço com os representantes de cada uma das instituições mantenedoras, desfrutando dos serviços de apoio, consultoria, aceleração e formação de negócios ligados às tecnologias digitais e à indústria criativa que essas instituições oferecem.

De acordo com Paulo Brant, presidente da Associação P7 Criativo, a proposta é convergir em um único espaço físico todas as iniciativas promovidas pelas entidades ligadas à indústria criativa, sendo mais objetivos e assertivos no suporte aos empreendedores. Para ele, trata-se de uma política pública sediada em Belo Horizonte, mas que deve reverberar e atender o estado inteiro.

Associação – Fundada com o objetivo de gerir as atividades do projeto, a Associação P7 Criativo vai atuar como uma agência de desenvolvimento dos talentos criativos, promovendo novas oportunidades para a indústria e a economia mineira. O projeto é mais uma iniciativa do Governo do Estado dentro de uma série de investimentos inéditos na indústria criativa. Por meio da Codemig, estão sendo fomentadas diversas ações do setor, que envolve toda a cadeia de criação, produção e distribuição de bens e serviços que usam o capital intelectual como insumo primário.
A eleição da indústria criativa como prioridade governamental é um marco nas políticas públicas, já que fortalece um segmento que exige, relativamente, menos investimentos do que os outros negócios, é sustentável e representa, nos dias de hoje, um grande diferencial de atuação nos mercados de todo o mundo.

Para se associar ao projeto, os empreendedores devem preencher um
formulário disponível no site do P7 Criativo que será avaliado pelas instituições mantenedoras.
Outras informações estão disponíveis no site www.p7criativo.com.br.

SEM COMENTÁRIOS