Revitalizar para competir

0
1
A revitalização vai melhorar as áreas dos distritos e polos, tornando-as mais interessantes para permanência das empresas na cidade (Reprodução/Internet)

A Revitalização dos Distritos Industriais e Polos Econômicos é um dos projetos prioritários do governo. Esse trabalho inédito vem mostrando a retomada de uma agenda estratégica para recolocar Contagem como uma nova centralidade de desenvolvimento em Minas Gerais e no Brasil. Desde o início do ano está sendo feito um inventário que visa, entre outras coisas, criar um ambiente propício ao aumento da competitividade dos setores produtivos, promover uma aproximação do setor empresarial com o poder público e a permanência de empresas na cidade. Atrair novos empreendimentos para o município e favorecer a diversificação da economia local e o fomento aos negócios, importação e exportação também são o foco do projeto.

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Sedecon) e o Centro Industrial de Contagem (Cinco) promoveram recentemente o seminário “Revitalização dos Distritos Industriais e Polos Econômicos”, quando apresentaram o projeto de revitalização e os resultados obtidos nestes primeiros cinco meses de levantamento em campo das informações.

O seminário propôs também uma atuação conjunta entre as secretarias, autarquias, fundações e regionais envolvidas e definição de prioridades, escolha de responsáveis e estipulação de prazos. Na oportunidade foi apresentado o plano de ação para a revitalização e modernização do Distrito Industrial Juventino Dias, desenvolvido pela Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), em parceria a Federação das Indústrias de Minhas Gerais (Fiemg) e InstitutoEuvaldoLodi (IEL).

Durante o evento, a Secretaria Municipal de Defesa Social apresentou o plano de ação para a atuação da Guarda Civil Municipal nos distritos e o projeto de implantação de uma central de operações.

Inventário – O inventário consiste inicialmente em entrevistas com as empresas, levantando diversas informações como o regime de ocupação, capacidade de produção, percepção das empresas em relação a atuação do poder público e a infraestrutura do distrito ou polo, investimento em pesquisas de desenvolvimento, certificação, atuação no mercado internacional, capital nacional, faturamento, apoio a projetos sociais e alvarás e licenciamento. A etapa final será a consolidação das informações levantadas e elaboração de um plano de revitalização, que reúne em um documento as necessidades mapeadas e as propostas de ações.

Ações visam a retomada do desenvolvimento econômico

Para que Contagem restabeleça um processo de retomada do desenvolvimento econômico, diversas ações são vitais. De acordo com o secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, René Vilela, além do programa de Regularização Fiscal (Refis), as ações que vêm sendo tomadas tornam o município mais atrativo.

A revitalização é um dos pontos fortes e de grande importância porque reúne várias iniciativas que irão melhorar as áreas dos distritos e polos, as tornando mais interessantes para permanência das empresas na cidade. Se conseguirmos dar uma resposta com investimento em segurança, infraestrutura e limpeza, facilitará a atração de novos investimentos para a cidade, destacou.

René Vilela destacou a importância das ações da prefeitura (Geraldo Tadeu)

Segundo René Vilela, a certificação das empresas, o programa de apoio para a gestão em parceria com o Sebrae e Una, a implantação do Centro de Inovação Tecnológico, a primeira política fiscal de incentivo ao desenvolvimento, a desoneração de novos investimentos, o Refis e a desburocratização dos processos representam um somatório de ações que irão gerar um portfólio qualificado para Contagem voltar a atrair empresas.

 

Para Andréia Winkler, diretora-geral do Departamento de Programas, Projetos e Convênios da Sedecon, é fundamental que a pesquisa seja respondida por um número significativo de empresas para que se tenha segurança do uso dos resultados, com uma visão representativa dos empresários da região.

Segundo a economista Alessandra Angelini o número de empregos gerados pelas empresas do distrito totaliza 3.512 postos de trabalho – 2.885 diretos, 271 indiretos e 356 terceirizados. “A maioria das necessidades de mão-de-obra citadas pelas empresas do distrito não exigem qualificação e se restringem à área administrativa, linhas de produção da indústria e trabalhadores do setor de transporte como motorista e ajudante. Em relação ao porte, 61,9% das empresas do distrito são médias, 19% são micro e pequenas e 7,1% são grandes”, destacou Alessandra.

Modernização do Juventino Dias

Todos os distritos industriais e polos econômicos serão revitalizados

A missão do plano de revitalização do Distrito Industrial Juventido Dias é propor a organização de um novo e moderno distrito, pois as condições existentes no momento de sua implantação, durante a década de 1940, se alteraram, bem como o perfil da indústria.
Do plano de ação elaborado pela Codemig, em parceria com a Fiemg e IEL, foram extraídas as ações em que a Prefeitura de Contagem é parceira. A Sedecon coordenará a execução de um plano integrado de ações municipais.
Em paralelo ao inventário empresarial, foi feito um levantamento em campo das condições estruturais dos distritos e polos. “O trabalho visou detectar, avaliar e buscar soluções imediatas, junto aos órgãos competentes da administração para os problemas mais críticos existentes nos distritos e polos. Ao final do levantamento constatamos a necessidade incontestável e urgente da atuação do poder público nessas regiões”, afirmou Andréia Winkler.
Todos os distritos industriais e polos econômicos serão contemplados pelo projeto de revitalização. No momento o Cinco é o distrito que está sendo visitado.

Distritos industriais e pólos econômicos de Contagem:

Gestão Municipal -Cinco: Cincão, Cinquinho, Inconfidentes, Hélio Pentagna Guimarães

Gestão Estadual – Codemig: Juventino Dias – Cidade Industrial
Gestão particular: Riacho das Pedras

Polos Econômicos: Vila Paris Eldoradinho / Campina Verde Kennedy (entorno do Ceasa)

SEM COMENTÁRIOS