PCdoB agora é oposição

0
39
Jair Tropical informa a decisão do partido de fazer oposição ao prefeito - Foto Samuel Junio Tomaz

O PCdoB fará oposição ao prefeito Alex de Freitas (PSDB). O anúncio foi feito pelo líder do partido na Câmara Municipal de Contagem, Jair Tropical, nesta terça-feira (28), após apenas três meses de governo. Em seu pronunciamento o vereador ressaltou que a decisão foi tomada pelo diretório municipal em reunião realizada no dia 21 de março, após avaliar as decisões da atual administração nesse período.

É compreensão do PCdoB que, dado o perfil do governo já expresso nas ações até então desenvolvidas, não cabe dúvida que é necessário mostrar para a população os objetivos e compromissos do atual governo que retrocedem em conquistas já alcançadas pelo nosso povo nas políticas públicas e na infraestrutura da cidade, destacou Jair Tropical.

Ele observou, ainda, que o PSDB, partido do prefeito, é adversário do projeto político nacional e estadual do PCdoB.
O vereador listou três principais aspectos que fundamentaram a decisão do partido. Para o PCdoB, ao voltar com a cobrança do IPTU residencial o atual prefeito teria traído o povo de Contagem; teria dado preferência para quadros do PSDB de outros municípios em postos chaves da administração, em detrimento aos contagenses que o ajudaram a se eleger; e a cidade estaria paralisada, sem prestação de serviços básicos, por “inoperância” do governo.
Finalizando, Jair Tropical ressaltou que o PCdoB terá um olhar mais criterioso em relação às ações do governo.

A bancada fará uma oposição firme e responsável, votando e apoiando todas as medidas do Executivo que visam melhorias para o nosso povo. Mas seremos firmes no combate a todas as medidas que retiram direitos e que retroajam nas conquistas até aqui alcançadas, concluiu.

Apoio – Os vereadores Vinícius Faria e Silvinha Dudu, membros da bancada do PCdoB na Câmara, reafirmaram a necessidade de se fazer uma cobrança firme em relação à atual administração de Contagem. Vinícius Faria retomou o discurso de Jair Tropical sobre a prestação de serviços pela Prefeitura, criticando um suposto atraso no pagamento das creches conveniadas ao Município e a demora no início de algumas obras viárias.

Ivayr Soalheiro diz que houve precipitação

O vereador Ivayr Soalheiro (PDT), líder de governo na Câmara, defendeu as ações da atual administração, classificando como precipitada a decisão do PCdoB e declarando que todos os vereadores devem sim fiscalizar o Executivo e apontar problemas e soluções para a administração municipal. Ele rebateu as razões do PCdoB para a oposição, pontuando que muito do que cobram poderia ter sido feito no período de sua gestão na Prefeitura de Contagem, questionando, inclusive, o posicionamento em relação ao IPTU.

Aposto todas as fichas neste governo, que pode tomar muitas medidas que, inicialmente, parecem impopulares, mas que, provavelmente, lá no final, o bem da sociedade vai prevalecer. E, se não der certo, que troquem vereadores, o prefeito, como já aconteceu no passado, disse Soalheiro,

apoiado pelo vice-líder, João Bosco New Texas (PMN), que acrescentou que as fragilidades iniciais serão vencidas com “trabalho e competência”.
Estímulo – Procurado, através de sua assessoria de imprensa, o prefeito Alex de Freitas disse que um de seus primeiros atos após ser eleito foi visitar a Câmara Municipal, quando reconheceu a importância do Legislativo e afirmou que não era contra a oposição séria e responsável, pois ela é parte do sistema democrático. “A oposição cobra e nos estimula a querer fazer mais e acertar sempre. Espero que os vereadores do PCdoB, representantes do povo, continuem votando a favor da população contagense”, disse o prefeito.

SEM COMENTÁRIOS