Projeto Tudoaver

0
69

1 – CONTAGEM – MEMÓRIAS GRAVADAS EM METAL

MARIANE OLÍMPIO

ESPAÇO DAS ARTES DO BIG SHOPPING

06 A 28 DE SETEMBRO

A exposição “Contagem: Memórias Gravadas em Metal” é uma homenagem à cidade de Contagem e tem um caráter documental visando um resgate histórico de sua memória. Este novo olhar, impresso através da gravura em Metal, resgata a história visual de cidade, seus personagens, seus lugares e sua cultura. A própria técnica utilizada nos remete a orientação econômica industrial da cidade, tanto pelo material que é utilizado (metal), quanto pela própria natureza da gravura e sua reprodutibilidade. As obras apresentam uma linha tênue entre o efêmero, o passado, a memória e a força da gravura, como um carimbo que tem a capacidade de reproduzir fisicamente inúmeras vezes a imagem de uma lembrança, perpetuando assim sua história.

(Lúcio Honorato – artista e produtor cultural)

Mariane Olímpio, artista visual de Contagem, é graduanda em Artes Visuais na Escola de Belas Artes da UFMG. Desenhista, pintora e gravurista, seu trabalho retrata o humano no seu aspecto singelo e frágil, como um ser inacabado e em constante transformação. Suas obras comumente retratam paisagens antigas e lugares pouco explorados, lembranças de escombros que permeiam seu imaginário.

A artista foi contemplada pelo FMIC 2016 Fundo Municipal de Incentivo à Cultura de Contagem.

Serviço:

Exposição:

de 06 a 28 de setembro de 2016

Espaço das Artes do Big Shopping

Av. João César de Oliveira, 1275, Eldorado

Visitação:

de segunda a sábado, das 10 às 23h

domingo das 11 às 21h

Contato da artista: (31) 97120-5189 / (31) 98353-1568

marianeolimpiofarias@hotmail.com

2 – MOSTRA FINAL DOS CURSOS DE DESENHO, PINTURA

E FOTOGRAFIA DA FUNDAC

GALERIA DO CENTRO CULTURAL DE CONTAGEM

13 A 30 DE SETEMBRO DE 2016

ABERTURA: 12 DE SETEMBRO, 19H30

A mostra final dos cursos é uma tradição que acontece regularmente para divulgar à população e aos familiares dos estudantes do Espaço das Artes, o resultado do esforço de todos envolvidos neste processo de aprendizado. A iniciativa, fortalece a autoestima tanto de quem busca aprender ou desenvolver habilidades, quanto de quem se dedica a orientar e conduzir todo este processo. Nesta exposição encontramos reunidas três áreas das artes visuais representadas pelo desenho, pintura e fotografia. As professoras Uyara Kinsmann, Silvia Gaia e Joíce Marques em suas oficinas respectivamente de desenho, pintura e fotografia, trabalharam com o mesmo objetivo para produzir obras que criassem uma harmonia visual, utilizando a oportunidade da mostra como mais um conteúdo de aprendizagem que faz parte do fazer artístico. Assim o pensar, o criar e o apresentar os trabalhos realizados por todos os participantes das oficinas finalizam o processo que um artista percorre em sua produção profissional. A Fundação Municipal de Cultura de Contagem convida a todos e deseja bons momentos de apreciação nesta exposição que representa continuidade e avanço na formação cultural de nossa cidade.

O Espaço das Artes é o núcleo de formação cultural da Fundac nas áreas de música, dança, teatro, artes visuais e artesanato. Os cursos são gratuitos e abertos à população. As próximas matrículas estão programadas para a 2ª quinzena de janeiro de 2017, em cursos básicos de violão popular, flauta doce, violino, teclado, piano, canto coral, ballet clássico, dança de salão, jazz, teatro, desenho, pintura e fotografia. A Fundação mantém ainda no Espaço das Artes, uma orquestra dedicada à formação de novos músicos e um coral.

Sob a coordenação geral do fotógrafo e videomaker, Daniel Márcio, no ano de 2016, o espaço contabilizou 450 alunos atendidos.

Os cursos são oferecidos na Rua Presidente Kennedy, 235, Centro de Contagem.

Fones: 3352-5044 / 5321

Serviço:

Abertura: 12 de setembro, segunda-feira, 19h30

Exposição:

de 13 a 30 de setembro

Galeria do Centro Cultural de Contagem

(casa amarela)

Rua Dr. Cassiano, 130, Centro

Visitação:

de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h

Informações:

(31) 3352-5347

projetotudoaver@gmail.com

foto-helena-rodrigues-james3 – HELENA RODRIGUES

Eu Sou Neguinha? (Pinturas)

GALERIA DA PREFEITURA

13 A 30 DE SETEMBRO DE 2016

A letra da música de Caetano Veloso, naturalmente subjetiva como toda poesia, cria diferentes formas de interpretação e sentidos de acordo com o momento e com a pessoa que ouve. Nesta série, a música foi pintada em óleo e acrílica sobre tela. A pergunta: Eu sou neguinha? Insistente, torna-se resposta. Eu sou neguinha. Nas décadas de 60 a 80, menos ainda que hoje, os ídolos populares do cinema, da música, do teatro nacional e internacional eram, em absoluta maioria, brancos. Crianças negras, de mentes limpas, por desconhecimento das humilhações causadas pelo preconceito racial, criam fantasias de serem como tais ídolos até descobrirem que por ter pele escura, de acordo com a conjuntura histórica social brasileira, as oportunidades são restritas, independente de sua capacidade ou empreendedorismo, as barreiras são maiores. Sim, eu sou neguinha, é uma afirmação diante de frases repetidas de maneira ofensiva a pessoas com os diferentes tons de negro no Brasil, assim como afirma altivamente a conscientização e importância de se ver como pessoa, não melhor, nem pior, igual a todas as outras. As pinturas lembram os ídolos das décadas citadas, negros, e vivenciando realidades opostas as fantasias de aventura e glória que vendiam. A sequência de 12 pinturas tem títulos que são versos da música de Caetano Veloso, Eu sou neguinha?

 Helena Rodrigues é formada em Artes Plásticas com habilitação em Educação Artística na Escola Guignard e Desenho Industrial na FUMA (Hoje UEMG). Entre 2006 e 2010, graduou-se em 3 diferentes cursos livres com especialização em aquarela botânica e pintura na Universidade Federal de Minas Gerais. Realizou diversas exposições em espaços culturais de Belo Horizonte e Contagem, como as galerias da Vivo, Icbeu, Biblioteca Pública, Assembleia Legislativa, Centro Cultural de Contagem, Big Shopping dentre outras e ainda nas Universidades Federais de Minas Gerais, Uberlândia e Brasília.

A artista foi selecionada no Edital Artes Visuais da Fundac 2016.

Serviço:

Exposição:

de 05 a 29 de julho de 2016

Galeria da Prefeitura de Contagem

Pça Pres. Tancredo Neves, 200, Camilo Alves

Visitação:

de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h

Informações:

(31) 3352-5347

projetotudoaver@gmail.com

Contato da artista:

(31) 99725-3331 / 2565-3331

helenaeldorado@hotmail.com

 

SEM COMENTÁRIOS